4 – Häxan – A Feitiçaria Através dos Tempos (1922)

Häxan / Häxan: Witchcraft Trough the Ages

1922 / Suécia / P&B / 87 min / Direção: Benjamin Christensen / Roteiro: Benjamin Christensen / Elenco: Benjamin Christensen, Elisabeth Christensen, Maren Pedersen


 Pense em um filme bizarro… Pois bem, esse filme é Häxan – A Feitiçaria Através dos Tempos. Uma mistura de documentário com filme didático, Häxan em seu começo parece um daqueles filmes feitos para o Telecurso 2000, testando a paciência do espectador com seu registro místico e histórico sobre… a feitiçaria através dos tempos, como seu próprio subtítulo informa, focando-se principalmente na estreita relação entre bruxas, demônios e toda a mentalidade estúpida da Igreja durante a Idade Média, que saía por aí queimando mulheres a torto e a direito.

Mas com o passar do tempo, meu amigo, segure-se que o filme se transforma em uma heresia desenfreada. Häxan é um dos mais controversos e assombrosos filmes de terror da década de 20, combinando naturalismo com efeitos especiais, que passeia entre o tom documental, por se declarar como uma apresentação do ponto de vista cultural e histórico, e o tom aterrorizante e herege que vai nos jogar na frente dos olhos bruxaria, magia negra, superstições, e por aí vai.

Não consigo imaginar o efeito que esse filme teve nas pessoas em plenos anos 20, mas com certeza é o mais próximo do que deve ter sido um filme transgressor na época.  Foi o Cannibal Holocaust ou o Serbian Film da sua geração. Tanto que foi até proibido em diversos países.

Black & White sabbath

Black & White sabbath

Ninguém mais, ninguém menos que Satã aparece em cena como protagonista, tendo de ser interpretado pelo próprio diretor, com sua clássica imagem com chifres, barba e garras. E são vários os tipos de coisa-ruim que mostram sua cara no decorrer do longa. Soma-se a isso nudez, sexualidade, demônios assustadores fazendo sabás com bruxas que beijam seus traseiros, tortura, cárcere, açoite, um bebê usado para sacrifício e uma freira possuída e perseguida pelo tinhoso, tudo dividido em sete histórias.

Cronologicamente, a trajetória de Häxan começa em 1488 e termina em 1922, sempre pontuando estudos de caso, seguindo o rastro da inquisição, possessão de freiras, sabás, e outras tentações e maledicências em geral. Isso tudo mostrando como fonte documentos, livros, diagramas e ilustrações, mantendo assim o lado educativo da coisa. Fora todo o impacto visual dos elementos que o diretor Benjamin Christensen coloca em tela, que vão desde as famosas caveiras e esqueletos, passando por insetos, répteis, roupas rasgadas, e os demônios em si, que serviram como ponto de referência para o gênero futuramente.

Claro que os efeitos especiais são toscos vistos atualmente, com bruxas voando em vassouras e uso de stop-motion, além de hoje em dia para quem já viu a menina de O Exorcista descendo a escada ao contrário ou a garota em A Filha do Mal se retorcer, quebrando a própria coluna, o filme não impressiona. Mas o que conta é que a produção ousou lá atrás e abriu caminho para muitos filmes chutarem o balde dali para frente.

Vale a pena ter um pouco de paciência e conferir Häxan – A Feitiçaria Através dos Tempos, produção de valor inestimável para o cinema de terror.

Cramunhão em pessoa!

Cramunhão em pessoa!

 


Marcos Brolia
Marcos Brolia
Jornalista, editor e idealizador do 101HM, é fanático por filmes de terror (ah, vá!) desde que se conhece por gente, dos classudos aos mais bagaceiras. Adoraria ter um papo de boteco com H.P. Lovecraft e virar um shot toda vez que ele falasse a palavra “indizível”.

0 Comentários

  1. […] 3 – Häxan – A Feitiçaria Através dos Tempos (1922) […]

  2. […] por Lindsay Lohan em Machete, de Robert Rodriguez. E vale lembrar que lá atrás, em 1922, em Häxan – A Feitiçaria Através dos Tempos, já víamos freiras possuídas pelo tinhoso. E ah, aproveitando o ensejo que estamos falando de […]

  3. Rodrigo disse:

    E ai, beleza ??

    Tentei baixar Häxan – A Feitiçaria Através dos Tempos (1922), A Carruagem Fantasma (1921) e O Golem (1920) e não consegui, acho que os arquivos estão corrompido , tem como verificar ai ???
    Valeu

    Abraço

  4. Rodrigo disse:

    E ai blz Marcos ???

    Sim, devia ser algum problema com o meu gerenciador,…atualizei ele qui e deu certo !!!

    Valeu

    Abraço

    PS: Da hora o site hein,…posso te mandar alguns nomes de filmes pra vc postar ai ???

  5. sdfdd disse:

    muito obrigado pelo link!?

  6. Matheus L. Carvalho disse:

    Como vão, 101?
    Eu discordo de vocês, eu achei HÄXAN o filme mais assustador que já vi na minha vida.
    Já havia visto algumas cenas em uma série de TV chamada OLHO VIVO, que passava na TV Cultura, mas, nunca soube de que filme eram. Só fui descobrir porque meu irmão o encontrou em um site.
    Baixei o download em um site chamado MY DUCK IS DEAD e assisti o filme. Achei simplesmente magnifico, assustador, perfeito para a época em que foi feito.

  7. Paulo disse:

    Não tem mais torrent disponível pra gente não? 🙁

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *