TOPE NOVE – Eco-horror

Quando a fauna mostra suas garras, dentes, patas, presas, bicos, caudas, e por aí vai, e toca o terror nos indefesos e incautos seres humanos, tomando seu lugar no topo da cadeia alimentar, certeza que merece um TOPE NOVE!


9) Razorback – As Garras do Terror (1984)

Um JAVALI (isso mesmo que você leu) assassino no meio do outback australiano. Precisa dizer mais sobre esse clássico dos clássicos do Ozploitation do mesmo diretor de Highlander?

Toma essa, bacon ambulante!


8) Shakma – A Fúria Assassina (1990)

Suprassumo do Cine Trash da Band. Um bando de nerds vê sua partida de RPG live action virar uma luta pela sobrevivência contra um TERRÍVEL BABUÍNO psicopata.

giphy.gif

Abre a porta, Mariquinha!


7) Orca – A Baleia Assassina (1977)

Dino de Laurentiis quis mostrar que um tubarão é pouco, e que uma orca, essa essa sim é a criatura fodona do mar. Ainda mais quando ela quer se vingar do pescador que matou sua família. Sessão da Tarde feelings!

giphy1.gif

Vai, Willy!


6) Alligator – O Jacaré Gigante (1980)

Melhor filme de jacaré e afins! E que me desculpem Tobe Hooper e Sergio Martino. Nesse ícone da Sessão das Dez, um bebê jacaré é jogado no esgoto, se alimenta de cachorros cobaias com hormônio de crescimento e vira um réptil gigante que sai pela cidade causando.

Here’s gator!


5) Piranha 3D (2010)

Alexandre Aja pegou a tosqueira de Roger Corman, refilmou e transformou em um dos mais sangrentos, escrachados, divertidos e nada pudicos eco-horror dos últimos tempos!

giphy2.gif

O peixe mata pela boca!


4) Aracnofobia (1990)

Quem não teve medo de aranha com esse filme, produção de Steven Spielberg, em suas reprises infinitas na Tela Quente ou na Sessão da Tarde, nem merece papo comigo…

A dona aranha subiu pela perna…


3) Cujo (1983)

Stephen King pegou um simpático e bonachão São Bernardo, lhe deu uma dose de raiva transmitida por uma picada de morcego, e transformou o cão em um stalker serial killer num filme tenso e claustrofóbico que só ele.

giphy5.gif

Roll over Beethoven!


2) Os Pássaros (1963)

Hitchcock foi lacrador e em plenos anos 60, mandou uma revoada de aves bicar os seres humanos até a morte, num claro recado – sem nenhuma explicação – da natureza se revoltando contra os abusos.

giphy3

FUJA DAS CAGADAS!


1) Tubarão (1975)

O hors concours dos ataques animais nas telonas. O grande branco de Spielberg fez escola, gerando uma quantidade infindável de rip offs, tornou-se o primeiro blockbuster do cinema, um clássico absoluto e é o filme da minha vida, ponto.

giphy4.gif

Não alimente os animais

 

 


Marcos Brolia
Marcos Brolia
Jornalista, editor e idealizador do 101HM, é fanático por filmes de terror (ah, vá!) desde que se conhece por gente, dos classudos aos mais bagaceiras. Adoraria ter um papo de boteco com H.P. Lovecraft e virar um shot toda vez que ele falasse a palavra “indizível”.

3 Comentários

  1. Thiago disse:

    Rapaz, bela lista!
    Aleas, já viu um filmaaaço que passou aqui como o título Semente do Diabo?
    O título original era Prophecy….

  2. Norberto disse:

    Boa Marcão, filme da minha vida também. Tempo bom que passava na Sessão da Tarde…. infância com medo de entrar até no tanque lá de casa mas boa….

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: